- PUBLICIDADE -

Mais de 30 tampas de concreto são instaladas em bocas de lobo no Plano Piloto

Em menos de um mês, a Administração Regional do Plano Piloto já substituiu e repôs 30 novas tampas de bocas de lobo, grelhas e postos de visitação de águas pluviais. Além de trazer mais segurança para a comunidade e prevenir acidentes, a ação evita o furto, já que as tampas são feitas no formato pré-moldado de concreto, ferro e brita. 

Alvo constante de furtos, tampas de bueiros foram substituídas para impedir o acúmulo de lixo e entupimento das galerias de água | Foto: Divulgação/Administração Regional do Plano Piloto

Foram contemplados com esse trabalho a Esplanada, Catedral, Feira da Torre, L2 Sul e Norte, Eixo Monumental e setores Comercial, Hoteleiro, Administração, de Rádio e TV Sul, além da Vila Telebrasília e das quadras 202, 203, 903, 704, 712, 912, 713, 415 e 516 Sul e 304 e 312 Norte. Os novos equipamentos impedem que os bueiros acumulem lixo e, consequentemente, causem o entupimento da galeria das águas da chuva. 

Furtos

O administrador do Plano Piloto, Bruno Olímpio, explica que as tampas de bueiros são substituídas por danos causados, na maioria das vezes, pelo tráfego de veículos pesados – ônibus e caminhões – nas vias públicas, além do constante furto de tampas de ferro na região.

“Infelizmente, além das quebras que ocorrem naturalmente ou por manobras de veículos pesados, que são muito comuns, também nos deparamos com o furto de tampas de bueiro”, afirma o gestor. “Uma das alternativas criadas foi a confecção das tampas pré-moldadas para atender demandas emergenciais, já que a fabricação é quase toda manual, além dos pedidos encaminhados à Novacap, que possui uma fábrica própria.”

No caso de instalações dentro e na área externa de comércios e prédios, a responsabilidade de manutenção, segundo a Administração Regional do Plano Piloto, é do condomínio predial, que deve cuidar do registro de energia, água e caixas telefônicas. Qualquer pessoa pode denunciar o furto de tampas ou depredação do patrimônio público por meio do 197. O sigilo é garantido.

 *Com informações da Administração do Plano Piloto

Fonte: Agência Brasília

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -