- PUBLICIDADE -

Programa de Inclusão | Cartão Material Escolar Alivia Custos para Famílias Vulneráveis no DF

Iniciativa do Governo do Distrito Federal garante acesso a materiais escolares e impulsiona comércio local, beneficiando estudantes e pequenos comerciantes

A volta às aulas é um período esperado por muitos estudantes, mas para famílias em situação de vulnerabilidade social, o custo dos materiais escolares pode representar um grande desafio. No Distrito Federal, o Governo tem agido para amenizar esse impacto através do Cartão Material Escolar (CME).

Francisca Iarla Ferreira, moradora da Estrutural e mãe solo, compartilha sua experiência. Sem condições financeiras para atender aos pedidos do filho de 8 anos, Francisca viu no CME uma oportunidade. “Foi um alívio quando o Cartão Material Escolar saiu. Fomos à loja e consegui comprar o estojo e a lapiseira, que eram o sonho dele”, diz Francisca.

O programa já beneficiou mais de 170 mil estudantes da rede pública do DF, permitindo que escolham seus materiais. Desde o início do ano, foram liberados R$ 52 milhões para compra dos itens. O valor, além de auxiliar as famílias, também movimenta o comércio local, beneficiando pequenos comerciantes.

A Secretária de Educação, Hélvia Paranaguá, destaca a importância do programa para promover igualdade. “É de extrema importância que os estudantes carentes tenham igualdade de escolha dos próprios materiais”, afirma.

Francisca testemunha a transformação: “Quando não tinha, não conseguia comprar todo o material; era somente lápis, borracha e caderno. E agora podemos comprar um material melhor para nossos filhos. O cartão faz muita diferença na minha vida e na de quem recebe”.

O CME, destinado a estudantes de 4 a 17 anos de famílias de baixa renda, proporciona créditos de R$ 320 para ensino infantil, especial e fundamental, e R$ 240 para ensino médio. O programa visa promover inclusão e igualdade de oportunidades, impulsionando não apenas a educação, mas também a economia local.

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -