- PUBLICIDADE -

DF terá R$ 33 milhões para recuperar asfalto das vias, diz diretor da Novacap

Mapeamento dos pontos críticos que precisam de intervenção em cada região administrativa está sendo feito pelas próprias administrações regionais

Por Ricardo Ulivestro

O diretor de Urbanização da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), André Vaz, disse, em entrevista à Agência Brasília, que um total de 12 contratos foram assinados, com sete empresas, para que seja feita uma série de intervenções em ruas de todas as regiões administrativas do Distrito Federal.

De acordo com Vaz, serão R$ 33 milhões empregados nas ações de recapeamento dos pontos mais críticos que ainda serão detectados pelas próprias administrações regionais de cada cidade. “As cidades mais antigas têm os maiores problemas”, lembra o diretor.

Os contratos assinados terão duração de seis meses, podendo ser prorrogados por cinco anos, o que permitirá uma manutenção constante das estradas do DF. A companhia espera iniciar as obras neste próximo período, já que e aproxima o período de estiagem das chuvas.

“Tivemos um período de chuvas muito fortes no início do ano que danificou a malha viária de Brasília. Desde o primeiro momento, estamos trabalhando e, agora, esse trabalho está sendo reforçado pelas empresas que estão sendo contratadas. Vamos atender as emergências das regiões onde há mais complicações e manter essa recuperação”, explica o secretário de Governo, Humberto Pires.

Uma das formas que a Novacap tem para poder detectar os pontos mais críticos da cidade e tentar corrigi-los ocorre por meio da ouvidoria do GDF que registra as reclamações dos moradores. O órgão pode ser acessado pelo telefone 162.

“Esperamos que, com essa operação, em um curto espaço de tempo, possamos restabelecer a ordem nesta questão e, assim, dar segurança a motoristas e ciclistas”, diz o administrado regional de Ceilândia, Fernando Fernandes.

- PUBLICIDADE -

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -

Mais Lidas

- PUBLICIDADE -