- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

GDF investe mais de R$ 2 bi em obras de infraestrutura com o intuito de melhorar qualidade de vida da população e combater desemprego

Em dois anos, a gestão de Ibaneis Rocha tem no cronograma 393 obras concluídas e em execução; ‘mesmo em épocas ruins, temos que manter a cabeça erguida, mostrando para a população que tudo vai ter uma saída’, ressalta o governador

Por Redação

“Em menos de dois anos, o Governo do Distrito Federal coleciona um quadro de 393 obras, entre concluídas e em execução”, informa matéria publicada no site da Agência Brasília, nesta terça-feira, 27. Segundo a reportagem, o governo local já investiu R$ 2,269 bilhões para financiar obras de infraestrutura no DF nesses dois anos de mandato do governador Ibaneis Rocha (MDB). As obras tem duas finalidades, basicamente: melhorar a qualidade de vida da população e gerar emprego.

De acordo com o GDF, neste ano, 116 obras já foram concluídas e entregues – totalizando R$ 407,229 milhões investidos. Ainda segundo o governo, há mais de cem intervenções em andamento, com recursos que somam R$ 1,885 milhão.

Já são 393 entre finalizadas e em execução, com mais de R$ 2,2 bilhões investidos, criando renda e milhares de empregos

“O Distrito Federal não parou sequer um minuto. Mesmo em épocas ruins, temos que manter a cabeça erguida, mostrando para a população que tudo vai ter uma saída. Estamos fazendo obras em todas as cidades para empregar mais e mostrar que, se 2020 foi difícil, 2021 vai ser um ano bem melhor. Vamos trabalhar cada vez mais”, garante o governador Ibaneis Rocha, em entrevista à agência de notícias.

Entre as obras já concluídas, o governo destaca a construção do três Unidades
Básicas de Saúde (UBS); a nova Ponte do Bragueto;a praça da Galeria dos Estados; a ampliação do balão de saída de Águas Claras; três estações do Metrô –  Estrada Parque, 106 e 110 Sul –; reforma do Terminal Rodoviário de Sobradinho; reforma do Mercadão do Núcleo Bandeirante; reforma da Galeria dos Estados, no Eixo Rodoviário Sul; além da construção de um canal de abastecimento em Vargem Bonita e da Praça dos Direitos, em Itapoã.

Qualidade de vida e geração de emprego

“As obras são fator importante para enfrentar o desemprego – um grave reflexo da pandemia. A construção civil é um dos pilares para a retomada dos empregos, uma vez que emprega muito e emprega rápido. Esse é um dos motivos pelos quais não estamos medindo esforços para tirar do papel inúmeras obras”, salienta o secretário de Obras do DF, Luciano Carvalho.

No ano passado, o governo também informa que outras obras de infraestrutura foram inauguradas também com o mesmo propósito de melhorar a vida da população e gerar renda e emprego. Na ocasião, o GDF concluiu as intervenções de Centros de Educação da Primeira Infância (Cepi’s) e execuções, e manutenções de calçadas.

Outras obras ainda estão previstas para acontecer, é o caso da revitalização do Setor de Rádio e TV Sul; das reformas das demais quadras da W3 Sul; da transformação da Avenida Hélio Prates; e do viaduto do Recanto das Emas.

“Acreditamos que a questão epidemiológica é uma das vertentes de gestão dessa crise. A outra é a questão social, de assistência, de desemprego, de fome. A terceira é a onda econômica. Se mantivermos os gastos públicos em dia, a segurança jurídica, a confiança econômica dos setores, vamos voltar a crescer mais rápido no ano que vem”, acredita o secretário de Economia do DF, André Clemente.

Veja abaixo as obras que ainda estão em andamento no DF:

  • Unidades de Pronto-Atendimento (UPA);
  • Cinco novas UBS;
  • Recuperação da Avenida dos Pioneiros, no Gama;
  • Reforma das tesourinhas do Plano Piloto;
  • Recapeamento da Estrada Parque Indústrias Gráficas (Epig);
  • Construção do túnel de Taguatinga;
  • Melhorias de urbanização e drenagem em Vicente Pires;
  • Construções de calçadas, de ciclovias e reformas de pontos importantes da capital, como a W3 Sul.

Fonte News Black

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
x