- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -

Aplicativo do BRB permite que clientes acessem serviços do governo federal

São quase quatro mil serviços públicos que os clientes passam a ter acesso; é possível Carteira de Trabalho Digital, Carteira Digital de Trânsito, certificado internacional de vacinação e outros

Por Ricardo Ulivestro

Clientes o Banco de Brasília (BRB) que já utilizam o app Mobile podem agora ter acesso a serviços públicos do governo federal através da plataforma gov.br via site o no App Meu gov.br. Isso é possível porque o BRB faz parte do acordo de cooperação técnica firmado entre a Secretaria de Governo Digital do Ministério da Economia e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

“O BRB atua alinhado ao GDF para serviços digitais junto à população de Brasília. Poder, agora, aderir à plataforma do governo federal é mais um passo que o banco dá para oferecer serviços que proporcionem uma melhor experiência aos seus clientes e facilidade na realização de suas rotinas de serviços”, explica o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

Com o recurso, basta acessar o endereço www.gov.br ou fazer o download do aplicativo Meu gov.br e ter acesso a quase quatro mil serviços públicos

Os clientes que acessarem a página www.gov.br ou pelo App só precisarão informar os dados do CPF, data de nascimento, senha do Mobile e token de segurança (que será enviado via SMS) para ter acesso aos serviços.

É possível ter acesso a serviços como Carteira de Trabalho Digital, a Carteira Digital de Trânsito, o certificado internacional de vacinação e profilaxia, carteira estudantil e a Carteira Nacional de Habilitação.

Ao todo, são quase quatro mil serviços públicos que o cliente do BRB passa a ter acesso. Serviços que antes demandavam das pessoas o enfrentamento de filas, agora pode ser feito de forma digital, como acontece com os serviços de seguro desemprego e de aposentadoria por tempo de contribuição.

Este modelo empregado pelo BRB é o mesmo já utilizado pelo Governo do Distrito Federal, que permite ao cidadão ter acesso a serviços como emissão do IPVA e do IPTU, consulta de débitos, marcação de consultas e agendamentos do Na Hora, além de ITBI, Nota Legal e serviços do Detran.

*Ricardo Ulivestro – Jornalista, membro da Associação dos Blogueiros de Política do Distrito Federal e Entorno – ABBP

Continue Lendo

- PUBLICIDADE -

Últimas Notícias

- PUBLICIDADE -
x