DF Sem Miséria: 58,7 mil famílias recebem benefício em outubro

O pagamento começou ontem (20) e deve beneficiar mais de 58 mil famílias que usam o programa como complemento do Bolsa Família; audiência pública vai tratar sobre ampliação do lote da Escola Classe 05 e do lote do Fórum de Sobradinho

Por Redação

Começou ontem (20) o pagamento de mais uma parcela do programa de auxílio financeiro a famílias de baixa renda do Distrito Federal, o DF Sem Miséria. Criado e coordenado pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), o programa é uma saída encontrada para complementar o valor que já é repassado a essas famílias que geralmente estão cadastradas no Bolsa Família do governo federal.

De acordo com a Sedes, um total de 58.771 famílias devem ser beneficiadas até o dia 31 de outubro. O DF conta hoje em dia com 168.788 cidadãos no Cadastro Único. Desse total, 84.019 recebem o Bolsa Família e 58.771 também têm direito ao DF Sem Miséria neste mês.

“É fato que, neste momento de pandemia em razão do novo coronavírus, as dificuldades econômicas aumentaram muito, deixando várias famílias em risco social. Por isso, a decisão de manter a regularidade do pagamento do DF Sem Miséria”, diz a secretária da Sedes, Nayara Noronha.

Em média, cada família participante do programa recebe a suplementação entre R$ 20 e R$ 960. O DF Sem Miséria é O benefício distrital é pago mensalmente, seguindo o calendário nacional do Bolsa Família, que neste mês iniciou nesta terça-feira (20). O pagamento é realizado de acordo com o último número do NIS (Número de Identificação Social) impresso no Cartão Bolsa Família.

Audiência pública vai debater ampliação de lotes na RA de Sobradinho, dia 19 de novembro

Audiência Pública

A proposta de ampliar e regularizar lotes de dois equipamentos públicos de Sobradinho será debatida em audiência pública (via internet) a ser realizada no dia 19 de novembro, às 19h. Na pauta está a ampliação do lote da Escola Classe 05, localizada na Quadra 9; e a ampliação do lote do Fórum de Sobradinho, localizado no Lote F do Setor Central. Todas as informações sobre a audiência estão disponíveis no site da Seduh, na aba de audiências públicas.

Para participar da audiência acesse o seguinte link: https://gdf-virtual.webex.com/meet/ASCOL_SEDUH

Fonte News Black

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here