Obrigatoriedade do pagamento de serviço do Uber no cartão deve ser derrubada na CLDF

A Casa aprovou o PL que revoga a proibição de pagar corridas de Uber em dinheiro

Por Redação

Os distritais aprovaram em sessão remota extraordinária da Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF), desta quarta-feira, o projeto de lei (PL) 1.427/2020 que revoga a obrigatoriedade do pagamento de corridas do aplicativo Uber por meio de cartões. O PL foi aprovado, em primeiro turno, determina que o cliente é quem deve escolher a forma de pagamento do serviço, seja ele através de dinheiro ou cartão.

Aprovado com 12 votos favoráveis e uma abstenção, a lei, que ainda precisa passar por uma segunda votação e ser sancionada pelo governador, deve dar mais autonomia e qualidade aos consumidores e também aos motoristas que prestam esse tipo de serviço.

“Esses trabalhadores dependem de valores em espécie para viabilizar a própria atividade e organizarem suas finanças pessoais, e ainda o mais grave, a medida cerceia as camadas menos favorecidas de usarem transporte por aplicativo simplesmente por não disporem de um cartão de crédito”, defende a distrital Júlia Lucy (Novo), autora do PL.

Fonte News Black

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here